Casa e Decoração: oportunidades na importação!

Tempo de Leitura 4 Minutos
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Se você é empreendedor do setor de casa e decoração, ou ainda não realiza importações mas deseja encontrar um setor lucrativo, eis uma excelente oportunidade!

O mercado de decoração é um dos setores que mais cresce no Brasil, já são mais de 200 mil negócios. Entretanto, nem tudo são flores. Como todo negócio,  o setor sofreu com a pandemia do coronavírus, mas se utilizando das ferramentas corretas, principalmente aqueles que já estavam adaptados à “nova realidade” , encontraram oceanos azuis.

Confira o artigo completo e tire suas dúvidas sobre oportunidades e desafios do setor de casa e decoração!

Casa e Decoração: qual o cenário em 2020?

Analisando o cenário dos últimos 10 anos, vemos um crescimento exponencial do setor de construção civil e ascensão das classes sociais. Consequentemente, o setor de casa e decoração se viu movimentado por públicos que outrora não tinham tanto interesse. 

É possível observar, que essa tendência que se espalhou nacionalmente. Em vista dos últimos acontecimentos, é impossível não citar o impacto e a aceleração que o mercado sofreu por conta da pandemia do coronavírus. No cenário anterior, já era visto um comportamento de trabalho onde as pessoas passavam mais tempo no trabalho do que em casa. Nesse caso, justifica o aumento do interesse em ter um espaço cada vez mais aconchegante em seu lar.

Em contrapartida, no cenário pós-coronavírus, o home office se alastrou obrigatoriamente, transformando os lares também, em um ambiente de trabalho. Ou seja, nos dois cenários, vemos o crescimento da demanda por espaços cada vez mais personalizados dentro de casa.

Desta forma começamos a entender a proporção do alcance do setor de casa e decoração.

Casa e decoração: vale a pena investir neste setor?

Como dito acima, a demanda do mercado de decoração é grande! No entanto, é necessário observar alguns detalhes do sucesso ou fracasso, deste tipo de negócio.

Observar tendências

Negócios de decoração, precisam ter total atenção a este ponto! Uma boa pesquisa de mercado, começa na análise e previsão de tendências que possam surgir para o mercado e se antecipar a elas. Isso garante vantagem competitiva em relação a concorrentes. Como é um mercado que possui uma certa sazonalidade, é preciso estar muito bem alinhado com fornecedores, prazos de entrega e atenção a qualidade dos produtos. Como é algo que tange o “íntimo” dos compradores, é preciso ser assertivo nesse ponto para obter o seu diferencial.

Observar o comportamento de consumo

Como o público comprador do setor tem se comportado? Em quais canais ele tem preferência de compra? Estar atento a isso certamente garante boas oportunidades para o negócio. O confinamento despertou a urgência por ajustes rápidos na decoração da casa, e juntamente com isso, a procura por lojas que atendam de forma conveniente aumentou. Lojas com catálogos online, facilidade de entrega, montagem e etc, despertaram ainda mais o desejo dos consumidores pela compra.

O setor de decoração é um dos mais vantajosos para investir em e-commerces. O mercado digital já é uma realidade, quer a sua empresa queira ou não. Quanto mais tempo negócios como esse, demorarem para investir em uma estrutura digital, mais distante estarão dos seus concorrentes.

Casa e decoração: existem oportunidades na importação?

Uma das grandes vantagens de investir no setor, através da importação de produtos, está na alta margem de lucro. Segundo Rodrigo Giraldelli, em um artigo do portal Chinagate, há possibilidades de comprar por 1 e vender por 5, em termos práticos. 

Você pode vender no varejo ou atacado, mas a indicação é, que se você já possuir 2 ou mais lojas, certamente já poderá realizar importações.

Powered by Rock Convert

Um ponto de atenção é o feeling na hora de comprar seus produtos. Pois errando nesse ponto, pode comprometer toda a sua saída de mercadorias. As tendências ditam quais materiais estão na moda, e quais especificidades farão parte da sua esteira de produtos naquele momento. Se é bambu, ferro, madeira, as cores e outros detalhes que precisam de total atenção. 

De onde posso importar estes produtos?

No geral, a China tem total capacidade para atender a sua demanda de importação. Ela é a maior, quando se trata de importação de produtos de quaisquer espécie. Porém, existem outras oportunidades quando se trata de artigos exclusivos, que é um adjetivo para quem deseja ter um diferencial no mercado. 

No Sudeste Asiático, países em como Tailândia, Indonésia e Malásia, você encontra produtos com maior valor agregado, que além da alta margem, podem posicionar sua empresa em sub nichos especializados dentro do setor,  o que pode dar ainda mais vantagem nos negócios.

Abaixo seguem alguns dados do setor de casa e decoração por países e quantidade de importações:

Dados do comex vis sobre o setor de casa e decoração
Dados do Comex Vis de Jan-Jun 2020

Que ferramentas podem ajudar empresas que importam produtos de casa e decoração?

Sabemos que qualquer empresa que atua no comércio exterior, precisa de um apoio enorme nas áreas que envolvem o negócio. Desde as áreas burocráticas como a emissão da nota fiscal de importação, até a gestão integrada do seu estoque, controle de vendas e também do financeiro. 

As empresas que atuam com importação de produtos de casa e decoração, possuem suas particularidades que pra muitos empresários se tornam algo “complexo demais”. Isso, se não possuírem as ferramentas corretas. 

A Mainô, possui um sistema de gestão, especializado em comex, que já atende mais de 1000 clientes em seus mais diversos setores. No setor de decoração, temos clientes altamente relevantes no setor. Dentre elas a Westwing Home & Living, que realiza curadoria de objetos de decoração e venda online dos produtos e “O Galpão”, que além de atender o varejo, vende para o setor hoteleiro, móveis feitos à mão de todas as partes do mundo, inclusive do sudeste asiático.

Recentemente, Suzana da Costa, CEO do “O Galpão”, fez um depoimento sobre a importância de um sistema de gestão eficiente e como ele ajuda o dia a dia do negócio que envolve importação de artigos de casa e decoração. 

Assista o vídeo:

 Se você gostou deste artigo, deixe seu comentário! Ele é muito importante para nós.

Até a próxima!

Powered by Rock Convert

Não esqueça de compartilhar esse post!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no print
banner news

Siga a Mainô nas redes

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Obrigado por se cadastrar!