Como Contratar Um Bom Despachante Aduaneiro

Tempo de Leitura 3 Minutos
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O despachante aduaneiro é o profissional responsável por intermediar as questões legais, como documentos dos órgãos federais e outros procedimentos, para que as importações realizadas por empresas e pessoas físicas transcorram sem dores de cabeça em relação à legislação, o que pode inclusive inviabilizar a prática. Mais saiba que hoje em dia esse profissional é mais do que apenas um prestador de serviços. Um bom despachante aduaneiro é aquele que compreende as questões específicas de toda a cadeia logística, sabendo se adequar a cada tipo de perfil de importador, seja ele um grande empresário ou pessoa física que trabalhe com grandes volumes.

Nosso post de hoje traz outras informações e dicas para que as suas transações com clientes estrangeiros seja uma experiência bem-sucedida. Confira e saiba quais são as principais precauções a serem tomadas antes de fechar negócios com parceiros estrangeiros.

Feedback dos clientes

Em primeiro lugar, é muito importante saber quem são os clientes desse despachante aduaneiro, no sentido de obter junto a eles o máximo de informações possíveis a respeito dos serviços prestados e da eficiência deles. Saiba que procedimentos errados ao se importar produtos, principalmente em relação à classificação fiscal destes, podem acabar resultando em prejuízos para o importador, daí a necessidade de se trabalhar com alguém que possui boas referências e credibilidade no mercado.

Cadastro no Siscomex

Não menos importante do que obter referências do despachante aduaneiro junto aos clientes mais antigos, é verificar se este está devidamente regularizado junto ao Siscomex – Sistema Integrado de Comércio Exterior. São muitas as pessoas que se autointitulam despachantes, mas sem nenhum tipo de qualificação no Siscomex. A contratação de profissionais não habilitados para a prática de importação e exportação pode configurar atividade ilegal e dificultar as transações, causando prejuízo para o importador. Falando a grosso modo, é um barato que acaba saindo bem caro.

Powered by Rock Convert

Praticidade dos serviços

Algo que facilita bastante e agiliza as transações de importação e exportação é a utilização de tecnologias e recursos disponíveis para este fim. Um destes que deve ser levado em consideração na hora de contratar um despachante aduaneiro é o uso do extrato da declaração de importação (DI), para gerar com facilidade a NF-e junto às empresas que realizarão o comércio. Esse procedimento dá muito mais agilidade e confiabilidade ao processo. E, como essa operação é possível somente aos despachantes que possuem autorização para tal –  assim como a devida certificação digital, esse é mais um motivo pelo qual se deve escolher profissionais com as devidas qualificações..

Conhecimento da legislação

Saiba que para a prática de importação e exportação no Brasil, existem vários aspectos legais a serem observados. Diante disso, é necessário verificar se o despachante aduaneiro tem o pleno conhecimento a respeito dos procedimentos corretos e das sanções que incidem sobre erros na execução dos processos. O trabalho realizado dentro das normas legais é uma prerrogativa dos profissionais mais experientes.

Bases de serviços

Um dos diferenciais que um bom despachante aduaneiro possui é o bom relacionamento em diferentes bases de recepção e saída de produtos. Diante disso, é importante saber quais foram os serviços realizados anteriormente, no intuito de afirmar a versatilidade e a credibilidade do prestador de serviços diante de uma variedade de locais e fornecedores. Imagine se os problemas começarem a aparecer logo na sua vez, e o início de suas práticas acabarem se tornando uma experiência ruim? É muito importante que você tome todas estas precauções.

Ainda tem dúvidas sobre a contratação de um despachante aduaneiro? Entre em contrato com a gente! E compreenda melhor as transações de importação acessando nosso post “Nota fiscal de entrada de importação: o que você precisa saber”.

Powered by Rock Convert

Não esqueça de compartilhar esse post!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no print
banner news

Siga a Mainô nas redes

Deixe um comentário

  Subscribe  
Notify of

Obrigado por se cadastrar!